sexta-feira, 15 de abril de 2011

Uso excessivo de anti-inflamatórios e sal pode levar à insuficiência renal

A evolução da doença renal pode levar à falência do órgão, tornando inevitável a necessidade de reposição renal, como hemodiálise, diálise peritoneal ou transplante renal

Fonte: Site Zero Hora - 14 de abril de 2011.

Obesidade, consumo excessivo de sal, baixa ingestão de água e uso indiscriminado de anti-inflamatórios: estes hábitos inadequados, resultado do estilo de vida moderno, são fatores que contribuem para o desenvolvimento da doença renal, lesão caracterizada pela perda progressiva e irreversível da função do rim. Segundo dados da Sociedade Brasileira de Nefrologia, a doença renal crônica atinge 11% da população, sendo que deste montante cerca de 90% não sabe que tem o problema, já que é uma doença silenciosa e sem sintomas aparentes nos primeiros estágios.

São cinco estágios que definem a capacidade de filtração dos rins. Pode-se dizer que caso o órgão perca até 50% da sua capacidade, não há danos representativos ao paciente. Com a perda de mais de 50%, começam a surgir sinais de que os rins não estão conseguindo filtrar suficientemente, provocando alterações nos exames de sangue (elevação da creatinina e ureia), com evolução crônica e lenta até necessitar de diálise ou transplante. Quando identificada precocemente, há como tornar mais lentas e até prevenir as complicações decorrentes desta doença, pois os rins interferem em vários sistemas do organismo.

Transplante

De acordo com a Associação Brasileira de Transplante de Órgãos (ABTO), de janeiro a dezembro de 2010, foram realizados 4.630 transplantes renais, representando um aumento de 8% em relação a 2009. O Estado campeão de transplantes foi São Paulo, totalizando mais de 2 mil órgãos transplantados.

O transplante renal pode ser realizado em todo indivíduo portador de doença renal crônica em estádio V, isto é, quando a filtração é menor que 10%. No caso de crianças com menos de dois anos, e adultos acima de 70 anos, as condições para o procedimento devem ser avaliadas em cada caso. Geralmente, o grupo de risco para a doença renal é formado por idosos, obesos, diabéticos, hipertensos ou pessoas com histórico familiar. É muito importante que o paciente realize exames de urina e dosagem de creatinina no sangue, anualmente. Uma vez necessário o procedimento, há um longo caminho de medicamentos para impedir a rejeição do órgão.

De acordo com a nefrologista Zita Maria Leme Brito, antes que um quadro de doença renal crônica evolua, é melhor prevenir e evitar a necessidade de terapia renal substitutiva (hemodiálise, diálise peritoneal e transplante renal).

— Hábitos alimentares saudáveis, com baixo teor de sódio, prática diária de exercícios físicos, além de controle da pressão arterial, glicemia, obesidade e acompanhamento de qualquer alteração da função ou morfologia renal, são maneiras de ter uma vida mais saudável e evitar este mal que atinge uma parcela significativa da população — explica.

Mudança de hábitos

Estudos apontam que a redução de 3 g no consumo diário de sal diminuiria em 13% os casos de Acidente Vascular Cerebral (AVC) e em 10% as doenças isquêmicas do coração. Por isso, a médica acrescenta que a necessidade de controle do consumo do sal na alimentação já virou questão de saúde pública, já que o uso abusivo pode causar hipertensão arterial e derrames cerebrais, além de ser um fator determinante para desencadear patologias renais, devido ao acúmulo de sódio e à facilidade de formação de cálculos. Segundo o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), atualmente, o brasileiro consome cerca de 13 g de sal por dia. A expectativa é que, até 2020, o consumo de sal pela população brasileira seja reduzido em 50%, alcançando os 5 g (uma colher de chá) de sal por dia.

Os pacientes também devem ficar atentos ao uso indiscriminado de anti-inflamatórios, que pode agravar o quadro clínico. Como sua administração não é controlada, essas substâncias são vendidas livremente nas farmácias. Os anti-inflamatórios inibem a prostaglandina, enzima responsável pelas funções dos rins. Sendo assim, o uso destes medicamentos é contraindicado por pacientes que já possuem problemas renais. Caso não tomem este cuidado, o problema pode evoluir para um quadro de insuficiência renal aguda, devido à falta de proteção da enzima.

Postagens Populares

Arquivo do blog

Vídeos da Abrasus

Loading...

3º Ciclo de Palestras da ABRASUS 2012

Abaixo, fotos do 3º Ciclo de Palestras da ABRASUS 2012.



PALESTRA "TUBERCULOSE, CAUSAS E CONSEQUÊNCIAS"

PALESTRA "TUBERCULOSE, CAUSAS E CONSEQUÊNCIAS"

PALESTRA "FRATERNIDADE E SAÚDE PÚBLICA"

PALESTRA "FRATERNIDADE E SAÚDE PÚBLICA"

2º Ciclo de Palestras da ABRASUS 2011

Abaixo, fotos do 2º Ciclo de Palestras da ABRASUS 2011.

PALESTRA "CÂNCER DE MAMA: PREVENÇÃO, TRATAMENTOS E DEPOIMENTOS"

PALESTRA "CÂNCER DE MAMA: PREVENÇÃO, TRATAMENTOS E DEPOIMENTOS"

PALESTRA "FRAGILIDADE NA TERCEIRA IDADE"

PALESTRA "FRAGILIDADE NA TERCEIRA IDADE"

PALESTRA “DIABETE E SEXUALIDADE”

PALESTRA “DIABETE E SEXUALIDADE”
Evento realizado em 27 de outubro de 2011.

PALESTRA "CENTROS DE REFERÊNCIAS PARA DOENÇAS REUMATOLÓGICAS NO SISTEMA PÚBLICO"

PALESTRA "CENTROS DE REFERÊNCIAS PARA DOENÇAS REUMATOLÓGICAS NO SISTEMA PÚBLICO"
Evento realizado em 28 de setembro de 2011.

PALESTRA “HEPATITES”

PALESTRA “HEPATITES”
Evento realizado em 17 de junho de 2011.

Palestra "A Importância do Exercício Físico Para a Qualidade de Vida"

Palestra "A Importância do Exercício Físico Para a Qualidade de Vida"
Evento realizado em 7 de abril de 2011.

1º Ciclo de Palestras da ABRASUS 2009-2010

Abaixo, fotos do 1º Ciclo de Palestras da ABRASUS 2009-2010.

Palestra ABRASUS - O que "É" e O que "FAZ"

Palestra ABRASUS - O que "É" e O que "FAZ"
Último evento do 1º Ciclo de Palestras da ABRASUS 2009-2010, realizado em 25 de novembro de 2010.

Palestra "Atribuições da Defensoria Pública da União"

Palestra "Atribuições da Defensoria Pública da União"
Evento realizado em 30 de setembro de 2010.

Palestra "Fumo: As Razões da Abstinência"

Palestra "Fumo: As Razões da Abstinência"
Evento realizado em 5 de agosto de 2010.

Palestra "Proteja-se Contra o Câncer"

Palestra "Proteja-se Contra o Câncer"
Evento realizado em 27 de maio de 2010.

Palestra "Assistência à Saúde Mental Pelo SUS"

Palestra "Assistência à Saúde Mental Pelo SUS"
Evento realizado em 25 de março de 2010.

Palestra "Cuidadores de Idosos"

Palestra "Cuidadores de Idosos"
Evento realizado em 19 de novembro de 2009.

Mais Eventos

Abaixo, fotos de outros eventos realizados pela Abrasus e eventos que contaram com a participação da Entidade.

ABRASUS em nova sede

ABRASUS em nova sede
Evento realizado em 25 de maio de 2009.

Iara Trovão - Presidente à época - apresentando a Associação.

Entrevista com o Vereador Reginaldo Pujol.

Entrevista com Ivo Fortes - Conselheiro Suplente da ABRASUS.

ABRASUS vai a Natal - RN em dez/2008

ABRASUS vai a Natal - RN em dez/2008
Reunião com Associações congêneres no Hospital Psquiátrico Prof. Severino Lopes.

Iara Trovão - Presidente à época - apresentando a Abrasus.

Público que prestigiou o evento.

Dra. Rosane Rempel apresentando o Jurídico da Abrasus.

Presidente do Sindisaúde de Natal comentando sobre o evento.